Blog

Como vai você?

2208 views

 Como vai você? Sua vida profissional, seus sonhos, sua família, sua paz?

Sei que quer avançar, caminhar para frente progredindo em todas as áreas, mas para isto é preciso desenvolver a mentalidade certa, sem deixar que a rotina, as distrações do coração o impeçam de ver o que realmente precisa fazer, pois o avanço está no hoje, no agora. Não no futuro como muitos imaginam.

É hora de assumir as rédeas de sua vida e começar a dar passos rumo aos sonhos, por isso deixo algumas dicas para que você comece a avançar já e, em todas as áreas de sua vida.

1.    Nem sempre as coisas acontecem como você gostaria que acontecessem, um problema pode ser transformado em uma semente de oportunidade, dependendo da forma como o vê e reage, lembre-se de se abster de emoções e focar em transforma-lo em um benefício. Esteja aberto a novas formas de pensar e agir, não se prenda ao passado, ao orgulho, ao medo. Permita-se viver a situação e, se necessário mude atitudes, descubra novos caminhos, atitudes diferentes produzem resultados diferentes. Agindo assim adversidades se transformam em grandes testemunhos de crescimento pessoal.

2.    Mantenha e desenvolva a intenção de agradar a Deus, pois ela é o princípio da parceria com Ele. Tudo o que fazemos seja no ser, agir ou dar, só será aceito como oferta espiritual se estiver alinhado com esta intenção de reverenciar Sua direção e existência em si.

3.    Mantenha a definição de tempo bem definida. Guarde suas energias para o presente, seja atento para suas atitudes hoje. Para o futuro reserve o desejo, a intenção de que a Palavra de Deus seja profecia, que se cumpre. O futuro nasce no presente, por meio da intenção, mas não deve roubar suas energias, para isto mantenha-se confiante, hoje as coisas podem até  não saírem como deseja, mas tenha certeza de que desígnios maiores fluirão de sua perseverança, pratique a habilidade da paciência e da oração, pois elas produzem paz em meio à guerra.

4.    Pratique o desapego, desprenda do material, do seu orgulho e até mesmo do sucesso. Eles vem e vão, pois não são permanentes. Sacrificar é uma das formas mais eficazes de praticar o desapego, de se colocar livre para novas possibilidades, não importa o que você já possui sempre haverá algo maior para se alcançar. Quando se é apegado, a mente fica limitada ao que já se tem, as intenções e a criatividade ficam engessadas e, você fica limitado ao conhecido, ao material. Quando há um desapego alicerçado sob a fé é possível transformar o abstrato em concreto. Soluções afloram dos próprios problemas, da própria desordem, do caos. Sua visão se abre ao campo das possibilidades, do oculto, da manifestação direta do poder de Deus na mente daquele que o faz.

“Porque as pessoas que vivem de acordo com a natureza humana têm a sua mente controlada por essa mesma natureza. Mas as que vivem de acordo com o Espírito de Deus têm a sua mente controlada pelo Espírito. As pessoas que têm a mente controlada pela natureza humana acabarão morrendo espiritualmente; mas as que têm a mente controlada pelo Espírito de Deus terão a vida eterna e a paz.” Rom 8.5-6