Blog

DICAS PARA SE TORNAR UM CONSTRUTOR DE TESTEMUNHO – DICA #6

2148 views

Dica 6: Desenvolva a Confiança mantendo o foco

A expressão “ter foco” significa ter um objetivo, estabelecer um planejamento, ser organizado e ter persistência para atingir as metas e alcançar o que se pretende. Quando se está a caminho da construção de um testemunho, tem-se a consciência de que a confiança é a base para se manter o foco. É ela quem alimenta a persistência.

Nem todos que confiam têm foco, nem todos que têm foco confiam, mas todos os que contam seu testemunho confiaram e mantiveram o foco.

Quando tudo estiver desabando, dando errado, quando seus planos estiverem distantes de serem efetivados e você parecer estar sozinho na batalha, a confiança fará a diferença e será a base para que a concentração venha à tona, fazendo com que sua atenção permaneça voltada para o que realmente importa naquele momento: sua vitória. Assim, você estará apto para estabelecer prioridades e se concentrar nas soluções.

Concentre seu tempo em seus pontos fortes, pois o foco é multiplicar o talento, desenvolvê-lo e valoriza-lo. A exemplo de uma pessoa que faz deliciosos bolos e começou a vende-los, mas não conseguiu clientela; aprenda uma nova receita, acrescente outro ingrediente, busque novos clientes… Isso é confiar e manter o foco.

Tenha ciência de que não importa o quão bem se executa uma coisa, podemos sempre aprender algo novo; fazer melhor. Afinal, precisamos estar abertos a mudanças, ao desenvolvimento pessoal. Quem não cresce está fadado à mesmice.

Ocupe a maior parte de seu tempo fazendo e desenvolvendo naquilo que você faz de melhor. Não se limite a lamentar ou sustentar seus pontos fracos; mas supere delegando e ou trabalhando em equipe. Se você faz excelentes bolos, mas ainda não desenvolveu o talento para vendas, faça uma parceria com um amigo que já possui essa habilidade.

Quando confiamos em Deus ficamos livres para investir naquilo que realmente contribuirá para nosso crescimento espiritual, físico e financeiro.

Você já percebeu que os treinadores de animais ferozes posicionam um pequeno banco de modo que os pés fiquem um diante do outro? O objetivo é dividir o foco do animal, pois este tenta focalizar os quatro pés ao mesmo tempo, e não consegue, assim, ele paralisa e amansa. Isso também acontece conosco quando dividimos o nosso foco.

Seja inteligente: una o foco à confiança. Não seja aquele que traça um plano pela fé e desiste diante das primeiras pedras que surgem no caminho, mas seja aquele que mantém o foco no que é essencial, apoiado na confiança de que o próprio Deus o guiará aos pastos verdejantes.

Gislene Xavier.