Blog

Obreira indiferente à dor!

1212 views

Nestes dias, veio ao nosso conhecimento um caso de uma obreira que foi chamada a atenção, tendo-lhe sido retirada a responsabilidade que tinha dentro da Obra de Deus. E sabe qual foi a sua reação? Indiferença, como se nada se passasse, como se não estivesse a dar a vida! Talvez diga: “Mas Luísa, será que ela deveria ter chorado ou reclamado?”

A resposta é não!

Pense comigo: Quando uma pessoa dá a vida por alguém ou por algo, e isso lhe é retirado, com certeza que ali há dor… e que dor! É como uma mãe que cuida do seu filho e por ele se entrega; se o mesmo lhe for retirado, a dor é inevitável!

Bom, onde pretendo chegar com este artigo? Uma vez mais, que faça uma introspeção das suas reações como obreira.

Se porventura é aquela obreira que é indiferente, que não faz questão de dar a sua vida na Obra de Deus, pelo contrário, pensa que não tendo responsabilidades melhor ainda, pois não quer problemas para o seu lado; se fica apática e distante das almas, que não sente a dor pelos sofridos. Se é aquela que não nota a ausência do povo que se afasta de Deus e nem tão pouco sofre por ver as pessoas perdidas no sofrimento. Então você não vive a dor de Deus! A dor de Deus? Sim! Ele sente dor e sofre por ver a perdição de muitos.

Se porventura se vê assim, essa obreira indiferente, peça paixão pelas almas e sobretudo pela sua.

Peço que seja verdadeira consigo mesma e registe o seu comentário.

D LuizaLuisa Teixeira

http://vivifreitas.me