Estudos

Para que lhe foi dado o Espirito de Deus?

1062 views

“Indo para Nazaré, onde fora criado, entrou, num sábado, na sinagoga, segundo o seu costume, e levantou-se para ler.

Então, lhe deram o livro do profeta Isaías, e, abrindo o livro, achou o lugar onde estava escrito:

O Espírito do Senhor está sobre mim, pelo que me ungiu para evangelizar os pobres; enviou-me para proclamar libertação aos cativos e restauração da vista aos cegos, para pôr em liberdade os oprimidos, e apregoar o ano aceitável do Senhor.

Tendo fechado o livro, devolveu-o ao assistente e sentou-se; e todos na sinagoga tinham os olhos fitos nele.

Então, passou Jesus a dizer-lhes: Hoje, se cumpriu a Escritura que acabais de ouvir.” (Lc 4.16,21)

O Espírito Santo veio para dar continuidade as obras do Senhor Jesus através dos seus servos.

A razão de Deus nos dar o Seu Espírito é que tenhamos poder para realizarmos as obras que o Senhor Jesus fez e maiores ainda. No momento em que Ele desce sobre o nosso ser, nós recebemos a unção, a autoridade para:

Evangelizar os pobres: Trata-se de todo aquele que está longe de Deus, quem não recebeu a graça, por mais rico que seja, é pobre diante de Deus. Evangelho significa “boas novas” e é responsabilidade daqueles que receberão o Espírito Santo, levar essas boas novas aqueles que sofrem.

para proclamar libertação aos cativos e restauração da vista aos cegos, para pôr em liberdade os oprimidos: Aqueles que são cativos e oprimidos pelas doenças, pelo sofrimento, pelos vícios, pelo pecado. Nós temos a unção para determinar que estes sejam libertos, autoridade para falar diretamente com a doença e determinar que ela saia da vida daquela pessoa, ordenar aquele espírito que tem causado o sofrimento que abandone aquela vida de uma vez por todas.

 e apregoar o ano aceitável do Senhor: O ano aceitável do Senhor não se trata de um período de tem de 12 meses e sim da era em que estamos vivendo, em que todo aquele, independente do que tenha feito, que procure a Deus e se entrega a Ele, é aceito. Aquele que recebeu o Espírito Santo, quando apregoa, fala da misericórdia de Deus, dele sai virtude, pois o próprio Deus está falando através dele e com isso a pessoa entende que Ele a aceita, apagando tudo o que ela tenha feito de errado.

Estas são as determinações para aqueles que receberam o Espírito do Senhor e os mesmos quando são sensíveis as dores e sofrimentos alheios, exercem sua autoridade espiritual para cumprir com essas determinações.

Porém muitos servos de Deus estão mais preocupados com a sua vida do que com as almas que sofrem, tornaram-se insensíveis as dores do próximo, olham para o seu uniforme como um fardo e não uma farda, não dão ouvidos a voz de Deus quando os chamam para levantar-se de madrugada e orar pela igreja, pela sua família e pelos que sofrem.

Devemos analisar que, mesmo o universo sendo considerado pela ciência infinito, não é capaz de abrigar a glória do nosso Deus, pois Ele sim é infinito e ainda assim escolheu vasos tão pequenos e desprezíveis quanto nós para fazer morada.

E o que você tem feito com este poder tão grande que faz morada em sua vida?

Bispo: Domingos Siqueira