Blog

Amor ou traição?

1169 views
Girlfriends having fun together“E não sejais cúmplices nas obras infrutíferas das trevas; antes, porém reprovai-as” (Efésios 5:11).
Os dias tem sido difíceis… Dias onde a vigilância para não perder a salvação, tem de ser constante!

A Palavra de Deus diz para amarmos ao próximo como a nós mesmos, e  esse amor é demonstrado com atitudes.

Um obreiro demonstra seu amor quando cuida do povo e também de seus companheiros de Obra!

Uma das formas de demonstrá-lo é quando você toma conhecimento de que um deles está vivendo no pecado. Por causa desse cuidado, se sente cobrado pelo Espírito Santo a convencê-lo a procurar seu pastor, confessando o pecado e se livrando das algemas do diabo.

Porém, quando existe vínculo de amizade, se torna mais difícil a tomada de atitudes como essa. Isso porque muitas vezes é entendida como “traição”.

Nesse momento entra o verdadeiro amor de salvar quem está perdido!

Não significa que você vai expor a nudez dela para a Igreja como um troféu, mas estará zelando por sua alma.

Isso deve ser feito com a intenção verdadeira de SALVAR!

Porém como dizer que ama, se mediante situações assim você se cala?

Por isso, quando um obreiro toma conhecimento que seu companheiro de obra está em pecado, a primeira atitude a ser tomada é conversar com ele em particular e alertá-lo sobre seu comportamento indevido e pecaminoso e as consequências de mantê-lo em sua vida.

Se mediante isso o obreiro recusar seu auxílio, procure o pastor e peça ajuda a ele com relação a situação desse obreiro. Às vezes, você não compreende que ao tomar conhecimento de tal erro, está recebendo do próprio Deus a incumbência de alertá-lo sobre sua Salvação. 

Não se pode ignorar algo tão grave! Quantas oportunidades você teve de ajudar alguém em situações como essa e se calou?! Muitos estão caminhando a passos largos para o inferno, não podemos perder a oportunidade de se estender a mão para ajudá-los.  
Como alguém separado para o serviço da Obra de Deus, pode ser cúmplice de algo que está destruindo uma outra pessoa?

Por mais que sejam amigos de longa data, não se pode fechar os olhos e muito menos achar que está traindo a confiança dessa pessoa. O diabo quer que você pense que isso se trata de uma traição, pois a sede dele é que essa pessoa permaneça no pecado, para que ele tire vantagem sobre ela. O desejo de levar as pessoas a Salvação deve estar acima de qualquer amizade.

“Assim nós, que somos muitos, somos um só corpo em Cristo, mas individualmente somos membros uns dos outros” (Romanos 12:5)
Não se deixe levar por suas emoções, mas permita que o Espírito Santo o use como instrumento de Salvação. 
FullSizeRenderAna Paula