Experiências vividas

A Força da Evangelização

667 views

Ela ajuda a despertar o interesse em quem não conhece a Palavra

 Clipboard01_63            

 A Palavra de Deus é infalível, e conduz todos os que creem à vida eterna ao lado do Pai. O Senhor Jesus não apenas quer curar os enfermos e expulsar todo o mal que há na vida das pessoas, mas, especialmente, deseja levá-las à salvação.

 E o objetivo da evangelização é justamente fazer com que as pessoas que estão longe desse caminho encontrem a Luz que as fará livres e as transformará em novas pessoas, como ocorreu com a coordenadora administrativa Vanessa Vieira Lino (foto abaixo), de 31 anos, que desde pequena era levada à casa de encostos pela mãe.

 “Durante 25 anos fui humilhada, pois não obedecia a esse ritual. Eu nunca me entreguei a eles, não gostava, sempre respondia negativamente às suas solicitações, enfim, era um verdadeiro inferno”, lembra.

 Segundo Vanessa, por causa dessa desobediência dela, seus pais até se separaram. “A convivência com a minha mãe era das piores, nunca tive o amor dela, afinal, ela me batia, proferia palavras de baixo calão, me humilhava. Por diversas vezes ouvi que eu nunca deveria ter nascido.”

Vanessa_2

Com tudo isso, ela começou a sair para as noitadas, pois era o seu refúgio. “Não tinha nenhum vício, mas saia todos os dias, para esquecer de tudo aquilo que vivia. Nunca fui amada e respeitada por nenhum homem, não tinha um relacionamento sério, já havia até desistido da minha vida sentimental”, conta. De acordo com Vanessa, ela se sentia vazia, sozinha, tinha muito medo de tudo e de todos e não dormia à noite, pois tinha pesadelos. Via vultos, era triste, mas tudo mudou quando ela conheceu Jesus.

Após anos de sofrimento, a vida de Vanessa começou a se transformar. “Uma obreira chamada Ivone começou a lutar por mim e pela minha família. Durante 7 anos ela insistiu na nossa felicidade. Ela começou a evangelizar, mas eu não dava atenção, até porque a mãe dela também servia aos encostos”, relembra.

Uma nova história

“Tudo mudou no dia em que fomos à IURD. Nunca mais saímos. A minha vida foi transformada, não foi fácil, mas, após muita luta e perseverança, sou feliz. Deus mudou a minha história, aliás, Ele escreveu uma nova. Hoje, sou completa, pois eu e minha mãe vivemos bem; ela é minha companheira. Sou noiva, amo e sou amada. Sirvo a Deus com muito prazer, faço parte da Obra Dele e Ele tem me usado para salvar pessoas também. O que Deus fez, a vida que Ele me deu, jamais conseguiria retribuir”, finaliza Vanessa.