Matérias

A misericórdia de Deus tem prazo de validade

1153 views

caravana3_1

No último dia 1º, foi realizada na Universal do Brás, zona leste de São Paulo, mais uma “Caravana do Resgate”. Milhares de pessoas compareceram, em busca de uma transformação de vida.

O bispo Sérgio Correa, responsável pelo grupo de obreiros em todo o mundo, fez questão de conscientizar a todos os presentes que aquela reunião poderia ser a última chance, a última oportunidade de vida deles. “Se você estivesse no deserto e houvesse apenas um copo de água, como você beberia essa água?” Perguntou.

Durante a reunião, ele falou a respeito dos dois homens que estavam presentes na caravana anterior, que aconteceu no Rio de Janeiro. Lá, ambos estavam diante da última chance, da mesma oportunidade, entretanto, fizeram escolhas diferentes. Um deles escolheu se entregar a Deus verdadeiramente, o outro, contudo, desprezou a última chance que lhe foi dada e no dia seguinte cometeu o suicídio.

 

caravana4

Esse acontecimento serviu como um alerta a todos os que estavam presentes.  “Com Deus não se brinca, e a misericórdia Dele tem prazo de validade”, referindo-se à morte.  Em seguida, convidou aqueles que queriam se entregar a Deus a se aproximarem do altar para receber a oração de libertação. Uma vez libertas, aquelas pessoas foram convidadas a se batizarem nas águas.

Um dos momentos mais marcantes do encontro foi a busca do Espírito Santo, quando aqueles que, um dia tiveram uma aliança com Deus e a quebraram, restabeleceram-na, e aqueles que já tinham, a renovaram.

 

Vanessa Santtos, de 26 anos, que está como obreira há 6 anos, ressalta a importância dessas reuniões.  “Cada caravana é mais forte que a outra. Vemos o cuidado e amor de Deus por nós, em sua misericórdia e paciência. Essa é mais uma oportunidade exclusiva que Deus nos proporcionou, mais um alerta de Deus da importância de buscar e cuidar da Salvação como o bem mais precioso que uma pessoa pode ter. Aqui recebemos alimento para a nossa alma e a capacidade espiritual para ajudar a todos os que ainda não conhecem a Deus de fato e verdade.”