Vemos na Bíblia a história de Sansão, que era nazireu desde o ventre e deveria cumprir este voto por toda sua vida.

O principal compromisso era jamais cortar seu cabelo. Por ser nazireu ele tinha um treinamento espiritual adequado. 

Quando adulto, o Espírito do Senhor veio sobre ele e o capacitou a realizar grandes coisas, através de uma força física sobre-humana.

Mesmo Sansão vendo que suas forças vinham de Deus, ele falhava em honrar a Deus.

Sansão acabou se envolvendo com uma mulher chamada Dalila, que aceitou suborno dos filisteus para descobrir de onde vinha a força de Sansão. Ele até conseguiu resistir a três investidas dela, mas teve um dia que Sansão acabou lhe contando sobre seu voto e a importância de seus cabelos com relação à força sobrenatural que vinha de Deus sobre ele.

Sansão quebrou completamente o voto e sua aliança com Deus, sua atitude fez o Espírito de Deus se afastar dele. Dalila, logo providenciou alguém para cortar os cabelos de Sansão enquanto dormia.

Logo depois que cortaram seus cabelos, Sansão foi capturado. Os filisteus furaram seus olhos o deixando cego e o colocaram para trabalhar de forma humilhante: moendo grãos. Durante uma festa dedicada aos deus Dagon, os filisteus levaram Sansão para humilhá-lo ainda mais diante de toda multidão.

Ajude Sansão a quebrar os pilares do Templo

Sansão estava profundamente arrependido e clamou ao Senhor pedindo sua força sobrenatural pela última vez. E assim aconteceu, então ele abraçou as duas colunas principais que sustentavam aquele local e as arrancou, fazendo com que tudo caísse sobre as pessoas e soterrou todos que estavam ali.

Sansão nos deixou uma grande lição: quando existe comunhão com Deus somos fortes e corajosos. Porém, quando nos afastamos d’Ele, somos alvos fáceis para as investidas do mal. Perdemos a grandeza, a força e a coragem.


Juizes: 14,15 e 16

“O Senhor é a minha luz e a minha salvação; a quem temerei? O Senhor é a força da minha vida; de quem me recearei?“


Salmos: 27-1