Jornalismo da Record TV é censurado pela Igreja Universal

Mito: Circula pela Internet a informação de que Igreja Universal do Reino de Deus teria “proibido” o Jornalismo da Record TV de “falar dos 300 anos da aparição da Padroeira do Brasil”.

Verdade: A Universal e a Record TV são instituições absolutamente distintas, uma sem subordinação ou ingerência sobre a outra.

Além disso, o autor dessa fantasia tenta colocar os fiéis da Universal em confronto com os católicos, ao insinuar que se trata de um ataque às convicções daquela religião. Nós, da Universal, repudiamos com veemência todo ataque a fé ou crenças, até porque somos as maiores vítimas da intolerância religiosa em nosso País.

Universal promove estudo bíblico para divulgar novela da Record TV Apocalipse

Mito: segundo texto publicado no portal “Observatório da Televisão”, a Igreja Universal do Reino de Deus estaria promovendo uma “divulgação indireta da próxima novela da emissora, Apocalipse”. De acordo com a publicação, “para familiarizar os fiéis no assunto” e “atraí-los para assistir o folhetim”, a Universal reuniria, aos domingos, no Templo do Salomão, em São Paulo, “os seguidores para um estudo acerca do livro apocalíptico”.

Verdade: desde seu início, a Universal prove estudos bíblicos sobre o Apocalipse, que são fundamentais para a Fé cristã. Além disso, há anos, o portal Universal.org e todos demais veículos da instituição também divulgam textos sobre o assunto.

O veículo de comunicação deveria, pelo menos, verificar a informação para não publicar a versão deturpada de um fato como se fosse a verdade. É o que exige a prática do bom jornalismo.

Filme sobre Bispo Edir Macedo terá patrocínio da prefeitura do Rio

Mito: A Prefeitura do Rio de Janeiro estaria financiando o filme “Nada a Perder”, adaptação para os cinemas da autobiografia do Bispo Edir Macedo, produzida pela Paris Filmes e pela Record Filmes.

Verdade: A produção do filme “Nada a Perder” não levará um centavo sequer de dinheiro público. O financiamento da obra cinematográfica é totalmente privado.

O boato mentiroso circula desde 2016 por redes sociais e foi publicado em alguns portais de fake news (notícias falsas), sendo desmentido pela Agência Lupa – a principal agência de verificação de notícias e de informações do Brasil.

O ataque da Universal à hóstia

Mito: a Universal teria patrocinado uma campanha atacando a crença dos católicos na hóstia, supostamente chamando-a de “pão do mal”.

Verdade: em nenhum templo ou catedral da Universal jamais foi afirmada tal barbaridade.

Nunca uma só palavra neste sentido foi exposta em qualquer veículo oficial da Universal na TV, no rádio, jornal, livro ou Internet.

A Universal repudia com veemência todo ataque à fé ou às crenças dos adeptos de qualquer religião, até porque são os fiéis da Universal as maiores vítimas da intolerância religiosa em nosso País.

Bispo Macedo é maçom

Mito: O Bispo Edir Macedo seria membro da Maçonaria. Há uma lista que circula na Internet com nomes de “maçons ilustres”, que inclui o bispo.

Verdade:  O Bispo Macedo não é e nunca foi maçom. A Universal notificou a “Loja Maçônica Mestre Chico Abílio n. 4246”, do Estado do Piauí, para que o nome do bispo Edir Macedo fosse retirado da lista intitulada “Maçons do Brasil – 110 Maçons Ilustres do Grande Oriente do Brasil”, pois a propagação da mentira de que o líder da Universal seria maçom “causa danos à sua imagem e honra perante seus fiéis, diante da incompatibilidade das filosofias pregadas” pela Igreja e a Maçonaria”.

Dizimistas no SPC

Mito: A Universal teria anunciado a inclusão de fiéis que não pagarem dízimo no cadastro do SPC e do Serasa.

Verdade: Trata-se de um boato criado a partir de publicação de um site de humor há alguns anos. A igreja entrou em contato com portais que reproduziram a piada que se converteu em mentira, exigindo o imediato desmentido.

Jornalistas demitidas por ordem de Dona Ester

Mito: Um jornalista de fofocas e bastidores sobre emissoras de TV publicou que dona Ester Bezerra teria dado ordem de “tirar todas as repórteres do vídeo” da TV Universal, “sem poder aparecer em passagens de matérias ou entrevistas”, e depois demiti-las.

Verdade: As demissões em algumas praças – e contratação em outras – ocorridas no núcleo de TV da Universal naquela ocasião foram decorrência exclusivamente de decisão interna dos próprios responsáveis pelo departamento, com o único objetivo de adequar a mão de obra às necessidades de cada um dos programas produzidos pela Universal.

O jornalista foi obrigado pelo portal onde trabalha a publicar a nota enviada pela Igreja.

As mansões do Bispo Macedo

Mito: Há anos, circulam pela Internet imagens de mansões luxuosas que seriam de propriedade do Bispo Edir Macedo e da Igreja Universal, em Campos do Jordão (SP), no Caribe e em outras localidades.

Verdade: Bispos e pastores residem em imóveis pastorais, quase sempre localizados nos próprios templos onde atuam. São imóveis funcionais e com acabamentos e mobília austeros.

Sabonetes para “purificação espiritual”

Mito: A Igreja Universal estaria vendendo em portais de comércio eletrônico, por R$ 110, sabonetes para “purificação espiritual”.

Verdade: A Universal jamais comercializaria qualquer produto para a “purificação espiritual” de seus fiéis. A Igreja tomou as medidas legais cabíveis contra os sites que anunciaram a venda de sabonetes com o nome e a marca da Igreja, e os responsáveis estão sendo processados criminalmente.

Andressa Urach é bispa da Universal

Mito: Um portal de “notícias Gospel” divulgou que a apresentadora e escritora Andressa Urach seria “nomeada bispa na Igreja Universal do Reino de Deus a pedido do fundador da denominação, Edir Macedo”.

Verdade: Andressa Urach participa da Universal, mas não pertence ao corpo eclesiástico da Igreja.